Músicas na academia: o que seus alunos têm ouvido influencia se ele vai voltar e se vai divulgar você para os amigos ou não

Tempo de leitura: 3 minutos

Academia é sinônimo de saúde, bem-estar, corpo perfeito e ambiente descontraído. E agregado a isso, a música que toca neste lugar influencia bastante o comportamento das pessoas, tornando a prática de exercício ainda mais prazerosa.

Mas, porque as músicas na academia influenciam a permanência do seu cliente e fidelização durante o ano todo, além de proporcionando um ambiente mais divertido e aproveitável?

Bem, vamos pensar em um consultório dentário. Muitas pessoas quando visitam um dentista, ficam naquela tensão antes do atendimento. Você imaginou se quando chegasse lá, o paciente encontrasse uma música pesada, um som alto, bem diferente do que o consultório representa: É quase certo que a pessoa se sentiria mais nervosa com a situação e não iria relaxar.

Isso acontece com as músicas na academia. O usuário dos aparelhos de ginástica busca um ambiente agradável para a prática dos exercícios, e quando a música favorece isso, é a combinação perfeita para que ele permaneça mais tempo naquele espaço, aproveitando todos os serviços adquiridos.

Como usar as músicas na academia de forma certa

Agora que você já sabe a importância de ter a música certa na academia, veja abaixo o que é preciso fazer para que a playlist seja um fator na atração de novos clientes e fidelização daqueles que já frequentam o seu espaço.

Entenda o perfil do seu cliente por cada período

Recomendamos para você  O seu ano vai começar antes ou depois do carnaval?

Quando for escolher o tipo de música para ser usada na academia, é importante entender o perfil do seu cliente por cada período de uso. Isso porque, as pessoas de mais idade tendem a frequentar esses espaços durante a tarde e os jovens a noite. Assim, tente dosar uma playlist com combine com cada um deles.

Criar playlists

Para que a playlist não se repita todos os dias da semana, crie uma lista de 3 opções que podem variar, sendo tocadas nesses períodos específicos, atendendo as sugestões dos alunos. Então, o ideal é que você mantenha as playlists criadas para os 3 períodos durante a semana e crie uma mais elaborada para tocar no final de semana, quando todos os alunos estão misturados.

Cuidado para não repetir músicas

Para que as pessoas não decorem a próxima música que será tocada, tenha uma lista de mais de 1500 opções que devem ser tocadas durante a semana, sempre intercalando os dias, tornando o espaço mais divertido, garantindo um impacto maior durante a prática de exercícios.

Mantenha as músicas da academia atualizadas

Fique de olho no que é tendência no mercado musical, optando por músicas da academia que estão sendo tocadas nas rádios ou nos aplicativos de streaming. Assim, você vai satisfazer diferentes grupos, seguindo a tendência.

Não exagere no volume

Recomendamos para você  Fidelizar alunos de academia

Bem, esse pode ser o grande problema de muitas academias que acham que, quando mais alto o som estiver mais animado o cliente vai se sentir em praticar exercícios. Só que é ao contrário! Cuidado com o volume do som, sempre levando em consideração os frequentadores por período, a quantidade de pessoas no ambiente, onde é bom deixar que elas também interajam entre si por meio de conversas.

Comentários

comentários